Área de Investigação

Professora do Instituto de Artes e do Programa de Pós-graduação em Artes na Linha de pesquisa Arte, Experiência, Linguagem. Formada em Comunicação Visual (EBA/UFRJ), é mestre e doutora em Linguagens Visuais pelo PPGAV/UFRJ, com pós-doutorado PNPD/CAPES na mesma instituição. Durante o doutorado, cumpriu estágio PDEE na École Doctorale Arts plastiques, esthétiques e sciences de l’art na Université Paris 1 – Panthéon Sorbonne. Entre 2011 e 2020 foi professora de videoarte e videoinstalação na Escola de Artes Visuais do Parque Lage. Atuou nos cursos de pós-graduação lato sensu em Ensino da Arte da EAV/Parque Lage/Instituto de Artes/UERJ e em Crítica de Arte e Curadoria de Exposições de Arte IUPERJ/Universidade Candido Mendes. Atuou no Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais PPGAV/EBA/UFRJ e no Programa de Pós-Graduação em Música PPGM/UFRJ. Foi Coordenadora de exposições das galerias COEXPA/DECULT/UERJ entre 2018 e 2019. Em 2014 lançou o livro Analu Cunha, com entrevista de Gloria Ferreira e textos de Tania Rivera e Wilton Montenegro sobre sua produção artística. Trabalha como artista visual, curadora e pesquisadora, com ênfase na área da videoarte e dos elementos constitutivos do audiovisual: som, imagem e ritmo em suas implicações sociais e antropológicas.

PROJETO DE PESQUISA:
A IMAGEM EM DESCOMPASSO
O projeto, vinculado ao PPGArtes/Uerj, procura ampliar e dar continuidade às questões levantadas na pesquisa de pós-doutorado Som e ritmo na videoarte brasileira (CAPES/PNPD/PPGAV/UFRJ), que se consistiu no estudo de obras pontuais de artistas brasileiros abordadas em suas questões rítmicas. Publicada em Outros começos, pós cadernos 01 do PPGAV/UFRJ, com o título Compasso binário (não), propõe uma análise antropológica do ritmo para nortear as análises. Nos exercícios propostos para a disciplina, os eventos artísticos são tratados sob o ponto de vista do ritmo como fenômeno amplo, em suas acepções visuais, sociais e políticas. Com Elisa de Magalhães (PPGAV/UFRJ), lidera o grupo de pesquisa Derivagens (CNPq), centrado na problematização do conceito de imagem. Coordena o Projeto de extensão A imagem fora, que tem, como objetivo, pensar e produzir videoarte e videoinstalações para exibição em espaços internos e externos à universidade.