A linha reúne investigações em arte, história da arte e teoria da arte voltadas para a potência da imagem e do corpo, sua constituição e seus usos políticos na interação com a experiência. Busca desenvolver e afirmar novas práticas da escrita da arte, quer sejam históricas, teóricas ou propriamente artísticas.

Docentes

Alexandre Sá

Vive em Niterói e trabalha no Rio de Janeiro. É artista, curador e psicanalista. Pós-doutorando em Filosofia pelo PPGF-UFRJ sob supervisão de Rafael Haddock Lobo. Pós-doutor em Estudos Contemporâneos das Artes pela Universidade Federal Fluminense sob supervisão de Tania Rivera. Doutor (2011) e mestre (2006) em Artes Visuais pela Escola de Belas-Artes da UFRJ, tendo sido orientado por Glória Ferreira. Com esse último foi aprovado com louvor e indicação de publicação. É licenciado em Educação Artistica (Habilitação em História da Arte) pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2002). É atual diretor e professor do Instituto de Artes da UERJ, além de professor do Programa de Pós-graduação em Artes da mesma instituição. É um profissional híbrido que trabalha com diversas linguagens (performances, instalações, textos críticos e vídeo) e a particularidade de sua pesquisa plástico-teórica são as relações entre o texto, a imagem, a poesia, o corpo e a psicanálise. Atua também como crítico de arte, escrevendo textos para revistas especializadas. Desenvolve um trabalho como editor de revistas acadêmicas de arte, tendo integrado o corpo editorial da Revista Arte & Ensaios (EBA-UFRJ) e atualmente é editor-chefe da revista Concinnitas do Instituto de Artes da UERJ, avaliada como A2. Também faz parte da Comissão de Credenciamento do Portal de Publicações da UERJ como professor titular. É membro e coordenador geral do Fórum do Campo Lacaniano - Niterói e da IF (The International of forums), ministrando com regularidade seminários que discutem as relações entre Arte & Psicanálise. É coordenador do Grupo de Pesquisa "A arte contemporânea e o estádio do espelho", certificado pelo CNPQ. Atualmente também é aluno do curso de Especialização em Gestão e Políticas Culturais, promovido pelo Itaú Cultural (Observatório Itaú) em parceria com a Universitat de Girona e a Cátedra UNESCO de Políticas Culturais e Gestão.